Covers Improváveis do Metal

É lógico que a palavra “improvável” no meio do título é uma brincadeira, penso que toda banda possui autonomia criativa para fazer o cover que bem entende, se isso é coerente ou se vai agradar aos fãs ou não, vai de caso a caso.
O cover dentro do underground é uma questão ainda polêmica, pois muitas bandas baseiam suas carreiras apenas em executar músicas de outras bandas, a maioria das bandas começa assim, é quase um caminho natural, mas a ideia principal é sempre tocar as suas músicas. 
Aqui pode se aplicar a ideia de “polifonia” proposta por Mikhail Bakhtin para a análise de discurso:

“Os argumentos a serem usados num determinado discurso são copiados de discursos anteriores” (PINTO, Milton José, 2002 p.13)”, “o discurso é construído a partir do discurso do outro, que é o “já dito” sobre o qual qualquer discurso se constrói.”*

Por mais que a banda tenha como objetivo soar “nova”, “original” ela obrigatoriamente parte de alguma influência, por mais que ela misture música do interior do Chile com batucadas de tribos africanas, ela vai estar se apropriando de um discurso anterior, que diz respeito a esses elementos, isso não quer dizer que a banda não esteja sendo original, ela será na forma de montar e mostrar o que ela está querendo mostrar com isso. 
Quando bandas já consagradas gravam um cover na maioria das vezes elas estão prestando uma reverência a músicas, bandas e artistas que as influenciaram e que fazem parte do DNA da banda, mas pode ser também que o façam por diversão, porque a música é legal, o que eu sei é que alguns que ficam muito bons. Mais uma vez quem ganha é o público.
Vamos a eles:
Slayer – Born To Be Wild (Steppenwolf Cover, 1968)

Six Feet Under – Back in Black (AC/DC Cover, 1980)

Cannibal Corpse -No Remorse (MetallicA cover, 1983)

Death – Painkiller (Judas Priest Cover, 1990)

Cradle of Fith – Fear of the dark (Iron Maiden Cover, 1992)

Dio & Malmsteen – Dream On (Aerosmith Cover, 1973)

Quiet Riot – Cum On Feel The Noize ( Slade Cover, 1973)

Motorhead – God Save The Queen (The Sex Pistols Cover, 1977)

São muitos.. quem lembrar de mais covers legais e quiser compartilhar.

Bibliografia
*Maria Letícia de Almeida Rechdan “Dialogismo ou Polifonia?” em http://site.unitau.br//scripts/prppg/humanas/download/dialogismo-N1-2003.pdf

PINTO, Milton José “Comunicação e discurso : introdução à análise de discurso” São Paulo : Hacker Editores, 2002.

Anúncios

Sobre Natália Ribeiro

*Editora do blog Rockalogy desde 2009 *Editora e Produtora do canal Metal Ground *Mestranda em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense - UFF *Graduação em Estudos de Mídia - UFF *Membro do Laboratório de Pesquisa em Culturas e Tecnologias da Comunicação - LabCULT, ligado ao PPGCOM/UFF. *Headbanguer Full Time

Publicado em 10 de maio de 2012, em Posts. Adicione o link aos favoritos. 6 Comentários.

  1. Oi Natália, tudo bem?Putz, confesso que os covers do Back in Black, e do Fear of The Dark no (início) ficaram ruins… Mas o do Born to be Wild e o do Dream On ficaram irados! Gostei mesmo foi o do Dio – Dream On.. Fora que a música é linda.Parabéns pelo blog, estou te seguindo.Quem sabe podemos ser parceiros :DEstou com um blog novo sobre música (Rock e Heavy Metal). Abraço.

  2. Pois é Valentin, não em como negar que Six Feet Under tocando AC/DC seja estranho, mas acho que nesse caso é proposital, eles tem outros covers de clássicos do Rock também. O de Dream On é uma das coisas mais lindas que já ouvi, perfeito. A do Aerosmith já é linda, com o Dio cantando então ficou "mágica".Passa ai o link do seu blog :)Obrigada por seguir o Rockalogy.Abss

  3. Olá Natália, obrigado por responder.Também acho a música Dream On Magnífica, então com o Dio… dispensa comentários.Aqui vai o link do meu blog: http://partituraempauta.blogspot.com.br/Abraço.

  4. O Six Feet Under tem alguns cds de covers inteiramente focados nesse estilo. Mas enfim, tua seleção ficou ótima e com direito até a citação! Faz ou fez algum curso de comunicação?Bem, fica aqui alguns outros exemplos que lembrei:Exodus – Problemshttp://www.youtube.com/watch?v=aIIM8nlW00QPantera – Hole in the Skyhttp://www.youtube.com/watch?v=35mQIU0VkS4Communic – Hurthttp://www.youtube.com/watch?v=1yFm4JlzMUgClaustrofobia – Beneath the Remainshttp://www.youtube.com/watch?v=dpISZ2-DMxMDeath Angel – Trapped Under Icehttp://www.youtube.com/watch?v=Oyu8JN_T9zgDr. Sin – Have You Ever Seen the Rainhttp://www.youtube.com/watch?v=xCYn-E7a-t4Machine Head – The Sentinelhttp://www.youtube.com/watch?v=dYJ3hKG3L8YAté.

  5. Olá Thiago fico feliz que tenha gostado do blog :)Realmente são muitos covers legais, e como eu disse, toda banda começa assim.Eu estou terminando minha graduação em Estudos de Mídia na UFF e pretendo fazer o mestrado na mesma área tendo o underground como objeto. Aqui no Rockalogy eu vou postando o que tenho trabalhado, tbm sempre tento puxar alguma teoria e apresentar com algo do universo Metal.Até maisabss

  6. Bacana, Natália.Também utilizo o meu blog ( o Hangover-Music) como 'experimento', porém, no meu caso, tenho um foco maior na área jornalística – curso no qual estou me graduando. Boa parte do que faço por lá, também é resultado do que ando estudando. Enfim, estou comentando isso porque achei legal você fazer algo parecido. Parecido, digo, cada um a sua maneira.Bem, boa sorte nas pesquisa. PS:Se pensar – e quiser, claro – , alguma forma de parceria… me dê um toque; teu blog é bem singular, acharia legal. (:Abrçs.

Comentar

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: